sábado, 16 de junho de 2012

MONESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA; BH, 0300402007


MONTESCLAROCIDADEIMAGINÁRIA, a utopia que Tomás More
Pensou que toda cidade seria um dia, e a qual, 
Clamo nesta poesia; ilha cercada de montes clareados:
De dia pelo sol e de noite pela lua; que sombras
Sem alegria, jamais pairem nos corações de teus súditos;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA da poesia, quisera ter na
Imaginação, sóbria alegoria e neste hino cantar a
Formosura de tua cidadania, nos teus cento e cinquenta anos
De tua soberania, pois mesmo sem te conhecer
Desejo que o amor e a paz sejam o Norte de nobre valentia;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA da resistência cultural, onde a
Poesia escolheu para residir e sobreviver, apesar de
Alguns arautos da intolerância acharem que a retórica poética
Jaz em túmulo de onde não sairá mais e tudo
Que aí se faz é desmentir com a verdade esses ancestrais;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA do poema vivo, que mais poderia
Dizer a teu respeito? se quero um céu azul, sei que
Encontro aí; se quero uma água fresca, sei que
Beberei em teus regatos; se quero civilidade e
Humanismo, sei que encontrarei em teus atos;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA de povo sábio, de gênios e
De bardos, de políticos ainda éticos, que a nação
Tanto reclama, acendas tua chama com intuição
E sejas minha musa nesta inspiração e que
Não me falte ânimo quando enaltecê-la com satisfação;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA de liberdade, igualdade e fraternidade
Dos ideais revolucionários e das ideias inovadoras, nascente
Do passado, do presente e do futuro; foz da metamorfose,
Juro que não finda em mim ainda a
História da glória que representas nos nossos anais;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA das possibilidades oportunais
Seio de mãe com peito de pai, acolhes os teus filhos,
Ouças os teus ais, transformas canções de dores
Em cantos de odes triunfais e elegias de Rainer
Em aleluias de vozes tonitroantes de mil corais;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA, tens a força das trombetas de Jericó,
Das opções de melhorias de vida de um povo, que
Não procura respostas aos pés do Muro das Lamentações
E sim ouvir o grito, tal qual Lázaro ouviu, pois são
Tuas resoluções: levantar e andar com sangue arterial no coração;

MONTESCLAROSCIDADEIMAGINÁRIA, berço de todas as ciências,
Árvore da sabedoria e do conhecimento; cosmopolita,
Guia para todas as civilizações modernas,
Jardim suspenso do Olimpo, morada dos deuses clássicos,
Ninfa eternizada nesta epopEia, esperança de eras vindouras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário