sexta-feira, 27 de abril de 2012

Lá vem Hélio Baleiro; RJ, 02901201998.

Lá vem Hélio Baleiro,
Vulgo Hélio Risadinha,
Sambeiro e sambista,
Cantador e seresteiro,
De primeira linha;
Quando pega no tantã,
Vira Hélio Batuqueiro,
Pagode é vida para ele;
Improvisa com inspiração,
Ri de tudo e de todos,
Com a maior provocação;
Uma toalha no pescoço,
Um sapato branco no pé,
Lá na Penha, no IAPI,
Gosta muito de mulher;
Bom malandro da antiga,
Velha guarda de comissão de frente,
Tio Hélio Baleiro é diferente;
Canta Candeia,
Canta Cartola,
Canta Zeca Pagodinho,
Luiz Carlos da Vila,
Canta Nelson Cavaquinho;
Anda bem devagar,
Pisa de mansinho,
No IAPI da Penha,
É chamado de Helinho;
Quando não gosta de alguém,
É para não gostar;
Quando gosta também,
Ri até chorar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário