domingo, 13 de julho de 2014

Maldito Leviatã; BH, 0130702014.

O que vejo num espaço entre o olho e a
Pálpebra fechada, num escuro duma
Solitária, é o mesmo duma mente doente,
Dum doente, que lança foguetes nas
Crianças, que se escondem nos meios
Dos escombros da Faixa de Gaza e da
Cis Jordânia; o breu é o mesmo dum
Olho furado, dum olho seco, ou dum
Olho cego; a dor não é duma contratura
Muscular, ou duma distensão, ou dum
Desvio de coluna; a dor é de quem é
Soterrado vivo, desmembrado pelas
Bombas, assado pelo fósforo, mutilado
Pelas experiências das armas modernas;
O que vejo no oco da minha mente vazia,
É o que não expressa sentimento e não
Expressa sentido, nem sofrimento, como
Dizem do Pablo Neruda, quando declamava os
Próprios poemas; é o vácuo em que vivem
Os que ordenam o genocídio, os que
Entopem os olhos, os olhares das meninas
E dos meninos de areias incandescentes; a
Luz que vem do alto, não ilumina, traz
Escuridão às mulheres que choram à morte
Dos filhos e dos maridos; o ataque cirúrgico
É anunciado, mas o efeito colateral é
Devastador; e não são coisas das eras
Bárbaras, medievais, são fatos atuais,
Transmitidos via satélites; assistidos pelos
Donos dos poderes, servidos em suas mesas
De repastos: carne fresca assada para ser
Comida, sangue fresco puro pra ser bebido,
                                O que satisfará esse maldito Leviatã?                                    

Um comentário:

  1. Grande Invanovitch Medina,,, teus pensamento são os pensamentos dos justos e dos que sofrem com o desastre imposto pelo MONSTRO ISRAEL...contra a PALESTINA....lindo texto.....mostrando a frieza dos indolentes e a loucura de ISRAEL........contra um povo fraco e sem defesa.......é impossível pensar neste momento que não haverá uma terceira guerra....pois estes dois MONSTROS: Israel e EUA....estão desestabilizando o planeta na sua ordem geopolítica..e social. É lamentável.......

    ResponderExcluir