sábado, 31 de maio de 2014

A salvação é quando ocorre ao ser comum uma frase brilhante; BH, 02201002012.

A salvação é quando ocorre ao ser comum uma frase brilhante:
Ganhou o dia e a tarde e a noite;
E quando surge do pensamento mortal,
Um pensamento imortal,
Que entra para sempre no pedestal
Dos provérbios sagrados;
Há prazer maior para o reles,
Do que ter a certeza que,
Terá um período fruto da própria imaginação,
Celebrado em academias?
Há gozo maior para o anônimo,
Do que ter o sonho de ver uma sentença,
De sua autoria,
Como veredicto duma ação da mais alta
Corte de Justiça?
Quando a mente é brilhante
E tira frases de efeito,
Citações clássicas,
Textos eruditos,
É algo como um respirar,
Não estranhamos mais;
Mas, quando é ao contrário,
O contexto encefálico é acéfalo
E nada se tira dali,
Como se fosse um deserto,
Qualquer um há de sentir surpresa:
O que é isso,
Não acredito,
Não pode ser,
Não é possível;
O que se passa então pela cabeça do criador,
Que nem ele mesmo acredita de ter a capacidade
De elaborar uma pérola rara tal uma ostra elabora?
Ou um diamante que é gerado pelo tempo?
Ou o petróleo pela decomposição dos dejetos milenares?
O ser que pretende naturalmente,
Ser o portador dos ditados,
Das citações universais,
Ou o psicografador do que falam os fantasmas,
Os espíritos siderais,
Deve ter sempre a mente fechada para as
Coisas abertas normais
E ter sempre a mente aberta para as coisas
Fechadas paranormais;
E com o tempo,
Com a sedimentação,
Tropeçará um relevo,
Num mosaico barroco
E descobrirá que aquilo é a própria salvação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário