segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Brasil infinito; BH, 02301202012.

Brasil infinito, pátria musa de todas
As odes compostas pelo universo;
Brasil eterno, morada absoluta de
Deus; feito por Ele, sob medida
Perfeita, para conter a posteridade;
Sala de estar do mundo, pulmão
Do corpo planeta; da eternidade,
Onde vivem as divindades, é o
Primeiro a ser avistado, quando
Das visitas delas a um outro céu;
Brasil paraíso, terra de ventos
Nobres, de águas sagradas, de
Climas que imitam ares celestiais;
Berço de todas as artes clássicas, belas,
Obras-primas, como o carnaval e o
Futebol; torrão de poesias nascidas
No coração, que almeja a paz
Com fervor e despreza a guerra
Que causa dor; Brasil pátria
Que nunca poderá ser ultrajada;
Escudo de gerações e amparo para
Civilizações contrárias; brigam lá
Entre si, mas, aqui, têm que entrar
No clima e viver em harmonia;
Brasil Africano Português Continental
Brasileiro, senhor dos senhores, doutor
Dos doutores, remédio dos remédios;
Deus quando criou a felicidade soube
Muito bem em quem se inspirar; passaporte
Para abrir as portas do mundo; senha
Para se chegar em qualquer lugar:
Sou brasileiro e não desisto nunca
De amar este país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário