sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

O bom é viver numa democracia; BH, 0250402001.

O bom é viver numa democracia,
O melhor é um governo no qual o povo
Exerça soberania; faz bem a influência
Que o povo exerce no governo; é por
Isso que custa caro a Liberdade de uma
Sociedade livre e em que prepondera
O veto e a decisão populares; na política 
Contra a verdade e a doutrina democráticas;
Quando os homens atingirem tal magnitude,
O demiurgo, nome que os platônicos
Davam ao criador de homens, ficará muito
Feliz e satisfeito; e o agrado demiúrgico,
É que não faz o homem demitir de si as
Ideias; destituir do cargo de dignidade
O pensamento e a imaginação; e o não
Exonerar da inspiração elevada; o não
Despedir das boas aspirações; o não
Renunciar dos bons princípios; o não
Afastar-se dos caminhos sóbrios; e
Nada de demissão da realidade, e
Demitir-se dos seus valores interiores;
Basta de demérito, o desmerecimento
Causa depressão; a falta de mérito
Prostra o cidadão; afastar a demência,
O estado demente, alienado, a loucura
Da alienação mental; gritam louco;
Clamam, insensato; de procedimento
De cegueira; de insensatez exorbitante;
Com uso excessivo e imoderado de
Ignorância; que usa demais a intemperança;
Demasiado desregramento; a bruteza que
Excede e causa a demasia da treva, e de
Tudo que quer separar a luz do homem
Ou delimitar o homem da luz; fixar o
Prazo de vida e determinar o tempo de
Morte; definir a era de nascer e constituir
O limite de morrer; aja para traçar o
Auxílio e demarcar a ajuda; faça a
Revisão e o retoque para o aperfeiçoamento
De sua obra; e em cada uma das vezes em
Que se recomeça um trabalho ou em que se
Retoma um assunto, é para evoluí-lo
Sempre, como uma camada de tinta, cal ou
Verniz que se estende numa superfície
Eternamente, igual a uma demão no coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário