terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Do meu melhor raciocínio e não sou um parapsicólogo; RJ, 080691980.

Do meu melhor raciocínio e não sou um parapsicólogo; 
E não tenho mente parapsicológica, nem preparada; e
Não sou nenhum psicólogo, e nem sou nenhum,
Psicopata; não sou neurótico e nem sou alienado;
Sei que não sou um paranoia, e sei que não sou
Um debiloide; sei que sou um ser normal; e todo
Ser normal é dotado de sentimentos e de falhas e
De erros e de todos os males que afligem a um
Ser normal; um ser humano não passa de um ser
Humano; mesmo que ele seja um louco, um doido,
Um maluco, ou seja lá o que; ele pode ser o que for
Que ele sempre será um ser humano; mesmo que ele
Seja um feiticeiro, um mágico, um macumbeiro ou
Outra coisa mais; e é bom ser apenas um ser humano;
É bom se sentir livre, a andar despreocupado, pelas
Ruas da cidade, sem pensar em nada, sem dever nada
A ninguém; é bom ser um ser humano tranquilo, calmo,
Meigo, delicado, cortês, educado, enfim, é bom ser um
Ser humano humano; gosto de ser o que sou; não quero
Mesmo ser outra coisa não; o que quero mesmo é ser
Um ser humano; mão quero ir para Marte e nem quero
Ir para outro planeta qualquer; não quero ir a lugar
Nenhum; quero ficar aqui na Terra mesmo; morrer
Aqui e ser enterrado por aqui mesmo; para que vou
Querer ser outra coisa? não quero ir para a lua e nem
Quero conhecer a lua; deixa a lua lá com o seu
Romantismo, e com suas estórias de assombrações
E de lobisomens; o que quero mesmo é poder olhar
A lua sem preocupação qualquer; o que quero mesmo
É poder contar todas as estrelas que existem no céu;
Não quero outra coisa; não quero mais nada não;
Quero que minha mulher me abrace e me beije a boca;
O restante não me interessa; que fique a lua no
Firmamento e que fique eu cá na minha insignificância.

Nenhum comentário:

Postar um comentário