sábado, 22 de dezembro de 2012

Imaginar um adiantamento; BH, 0190601999.

Imaginar um aditamento,
Para acrescentar às leis do universo,
Às leis oficiais geradas,
Um pedido de aumento,
De uma parcela de migalhas de pão,
Àqueles que têm fome;
Adicionar à vida humana,
Um pouco mais de ternura,
Com os desprivilegiados;
Tornar ditoso o infeliz,
Fazer feliz aos que sofrem;
Aditar ao dia a dia,
A paz literal,
Espiritual e mental;
Por medida provisória,
Mandado ou ordem,
Impor um aditivo,
Sem adivinhar o bem,
Que será causado,
Aos necessitados;
Que seja feito,
Sem olhar a quem;
Adivinhação de onde vai,
Sair o recurso,
Nunca deu certo;
E quem adivinha,
Não ganha sustento,
Para levar a vida;
Mulher que finge adivinhar,
É a cigana;
Engana aos outros,
Ao fingir ler as mãos;
Proposição para decifrar,
Só com paranormal,
Que não seja charlatão;
O bom adivinhador,
Não conta seu segredo,
Não fala o que percebe,
Não vira um adivinhão,
Medíocre e notório;
Não quero ser adivinho,
O dom não tenho, não;
Não sou sensitivo
E nem imantador;
Prego apenas a paz,
Quero muito mais ao amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário