domingo, 22 de maio de 2011

(Modinha XXVII)

Eu não finjo, não sei fingir,
O que sinto vem expresso
Naturalmente: sou o que sou
No momento; no agora; se no
Momento não o sou, não
Sou; se no agora, não o sou,
Não sou; sou aquilo, que sou,
Em qualquer ocasião; não
Finjo, não sei fingir; não me iludo
E nem gosto de iludir; se não
Falo, se não ajo, é só reparar
A minha reação, expresso no
Vivamente, o simples sentimento
Do meu coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário