terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Quem não descobre inventa e bom; BH, 030902013.

Quem não descobre inventa e bom
Seria se descobrísseis alguma coisa;
Ou no caso, inventásseis algo, numa 
Análise rápida do que precisa ser
Inventado, ou do que precisa ser 
Descoberto; árvore não é mais 
Necessário inventar, todos os 
Tipos de árvores já foram descobertas;
Das mais estranhas, misteriosas e 
Assombradas como as gameleiras 
Das beiras das minhas estradas às
Árvores das ciências do bem e do 
Mal e da vida e da morte; e como 
Que menino é bicho bobo, ter 
Medo de uma árvore, de uma 
Pobre e velha gameleira abandonada,
Só porque o povo dizia que era 
Assombrada; e que aparecia almas,
Entes, espíritos às sombras dela; 
Pássaros também, todos já foram
Inventados, inclusive aves, urubus
E corvos; borboletas, calangos,
Taruiras, lagartixas, lagartos,
Salamandras, pedras, paus, rios, o
Que a mente conseguir pensar, 
Imaginar, já foi descoberto e 
Inventado; e nem o universo, que 
É algo bem maior, precisa mais 
Ser inventado e todo dia um 
Universo novo é descoberto dentro
Do próprio universo, como as águas
De um rio são águas de outro rio,
Que não é o mesmo rio dentro do
Próprio rio; e naquela conjectura,
Em que se especula, a Terra parar
E tomar o caminho de volta, nós
Teremos que passar por tudo que 
Já passamos? ah, não, deixais 
A Terra seguir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário