quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

Devolva as Malvinas de volta à Argentina; BH, 0160202012.

Devolva as Malvinas de volta à Argentina,
Não faças com as Malvinas o que fizeram na Irlanda;
Grã Bretanha, devolva as Malvinas de volta à Argentina,
Não faças com as Malvinas o que fizeram na Índia, o
Que fizeram na África; não aceitaremos mais teu
Imperialismo aqui no nosso Cone Sul; retiras com teu
Exército, teus reis e rainhas velhos, teus príncipes e
Princesas de mentirinhas; o mundo moderno de hoje
Não comporta mais velhas coroas, velhos cetros, nos
Quintais dos outros; Argentina hoje é democrática e
Pune os generais da Ditadura e que por desespero,
Deflagraram uma guerra perdida contra o teu Império,
A derramar sangue de jovens inocentes de ambos os
Lados; naquele tempo a Argentina vivia sob o jugo do
Chumbo e a derrota dela serviu para enfraquecer a já
Caquética Ditadura; já cometestes, junto com os
Norte-americanos, crimes demais pelo mundo afora;
Assassinaram pessoas, invadiram países, subjugaram
Povos, destruíram nações: tudo em nome do imperialismo,
Do colonialismo, da pilhagem das riquezas das nações
Subjugadas; devolva as Malvinas de volta à Argentina,
Não aceitaremos pirataria oficial aqui na América do Sul;
Não queremos aqui, sangrentos domingos, como os
Causados aí pela monarquia sustentada pelos impostos
Do povo, que ao mesmo tempo tinha o sangue derramado;
Uma vez mais, devolva já, as Malvinas de volta à Argentina
E deixe-nos a viver nossa vida em paz, longe de ti, Bretanha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário