sexta-feira, 8 de abril de 2016

Bem que a humanidade deveria deixar de beber sangue; BH, 0170402015.

Bem que a humanidade deveria deixar de beber sangue
Fresco de inocente, suor e beber cerveja;
Bem que a humanidade deveria deixar 
De comer sal grosso; desde que a humanidade
É humanidade, bebemos sangue humano,
Regamos terras desérticas com suores sagrados
E bebemos as poucas cervejas santificadas;
E seres humanos despedaçamos uns aos 
Outros e seres humanos nos decepamos, 
Nos mutilamos e fazemos de tudo que é 
Do mal e não nos amamos uns aos 
Outros; e ai daquele que sair por aí a 
Declara amor ao próximo: logo, logo,
É trucidado em praça pública, tem 
A carne gordurosa temperada no sal 
Grosso, que é o predileto da humanidade
E o festim macabro não tem mais fim. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário