segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Pela primeira vez; BH, 0270702013.

Pela primeira vez, de modo consciente,
Vejo um risco no país, e não é de revolução;
É um movimento contrarrevolucionário,
Não identificado, que começa nos grandes
Centros urbanos, e que pode partir, quando
Menos se espera, para o uso de armas; 
Inda não percebemos uma ideologia, e 
Sim uma disposição, uma atitude contra
O sistema para levá-lo a uma guinada
Da mais vil direita; nada de ataques ao 
Sistema financeiro, ou um ataque ao  
Capitalismo selvagem; pela primeira vez
Vejo risco de queda de governadores,
Prefeitos, e inclusive golpe contra a 
Presidenta; nem na luta contra a 
Ditadura, percebi o perigo de queda, de
Derrubada de governante, igual ao 
Cheiro que sinto agora, com a diferença 
Que estamos numa democracia; com 
Alguns governadores sem apoio
Do PIG, o Partido da Imprensa Golpista,
Outros com apoio, e bem protegidos 
Pela velha mídia, e com a presidenta a 
Ser bombardeada 24 horas por dia, os 
Que querem a contrarrevolução,
Encontraram um prato feito; não sei
Em que vai dar essa guerra urbana,
Que começa a tomar proporções; sei
Que correrá sangue, mais cedo ou 
Mais tarde, correrá sangue; e com o 
Judiciário que temos, com o legislativo
Que não respeita em nada o povo, 
A falsa revolução logo logo, ganhará
A simpatia da maior parte do população,
E aí, não teremos mais ordem e progresso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário