sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Sonhei que não era aquilo que serve para conservar; BH, 02901102000; Publicado: BH, 0301202013.


Sonhei que não era aquilo que serve para conservar,  
Que num estabelecimento, já destinado ao ensino
Musical, meu sonho não se tornou real; e dormi no 
Conservatório, por causa da consideração, que deuses
E espíritos tiveram por mim, apesar de nunca aprender   
A considerar, de nunca mostrar respeito; e a importância
Que se dá a um sonho, a alguém, ou a alguma coisa e
Perdi a reflexão, a atenção e nesta exposição, não a
Fundamentada e neste escrito arrazoado, tento encontrar
Cada uma das considerações, ou fundamentos que servem
De introdução às leis, decretos, princípios, a considerar a
Razão e o básico do fundamento; até tentei examinar
Devidamente, analisar o pensamento que perdeu o
Pensamento; imaginar o espírito que perdeu o espírito e
Ponderar a alma que perdeu a alma e pensar a mente
Que esqueceu de pensar e de ter apreço pela memória,
Que passa a ser de opinião e a reputar para si o
Julgamento universal; supor-se ainda com vida suficiente,
Julgar-se ainda apto a sonhar em vida feliz, considerável
Oportunidade de integralização; notável perspectiva de
Seguir adiante do caminho e encontrar importante
Estrada e universo muito grande, maior do que o
Universo que entrega almas em consignação; entrega
Vidas a consignar tal mercadoria para revenda, sem
Depósito judicial, de coisa devida, com efeito da
Extinção da obrigação da salvação; e passar em folha
O desconto de importância relativa ao pagamento de
Certas dívidas, nas quais é incluída na folha de Caronte,
O funcionário público recebedor, para não deixar Cérbero
Enviar devedor, alguém que negocie as almas e a 
Determinar renda de dívida; dedicar o sangue fresco,
Consagrar o consignatário chefe, registrar aquele a quem
Se consignam os seres; assinar o que recebe em consignação
E o que se pode, ou se deve o consignável e consigo então,
Se não for em minha, em tua companhia, o amor de si para si,
Dirigido a si, consigo, com o senhor, que tem a consistência,
Tem o estado, tem a qualidade; tu que és consistente, tens a
Estabilidade e a firmeza, a perseverança, que consiste o ente
Sólido, o ser espesso, o ser essencialmente constituído por
Inteligência futura; a resumir por viver e não por ter objeto, 
Por consistir consistório, a assembleia, de cardeais presidida
Pelo Papa que Memet Ali Agca disse que era enviado de satanás,
Mesmo depois que o Papa o perdoou da tentativa de assassinato;
Na via dos cadáveres esquecidos, iguais banquetes de famílias na
Noite de Natal, um mendigo, não faço minha pequena refeição,
Consoada em dia de jejum: e tudo segundo a norma da elite;
Tudo conforme a burguesia fede e na letra que exprime esse som
De emissão de voz, representada no alfabeto, que só forma
Uma sílaba quando se junta a uma vogal, que tem consonância
E fazer rimar entre si consoante, soar juntamente na dos que
Não têm; consoar confrade, em relação ao outro sócio da dor
Inexata, o consócio inexistente, a consolação ausente; a
Falta de conforto, a procura do alívio, o consolar o feto que
Está fora do útero; pôr o bico do seio consolador na boca do
Feto apodrecido, ainda esquecido na porta do hospital, na
Caixa de sapato, enquanto a lágrima consola a mãe; a dor
Do parto faz aliviar a aflição e o sofrimento, confortar o leite
Derramado do peito; reanimar a placenta já resfriada, dar
Fim aos próprios sofrimentos e ainda conformar na perda,
Satisfazer-se com o resto consolatório, o olho que pode
Ser consolado; o olhar que adora o azul do céu, do
Firmamento consolável: deploro código de leis, abomino
Reunião de inúteis; detesto fusão de várias empresas em
Uma só, usar terreno para cemitério, o ato de aumentar
As tais consistências materiais; consolidar o ter tudo na
Consolidação do não ser nada, nem título de dívida
Pública que se consolidou, nem o tudo do prazer carnal,
Do orgasmo físico enfim, consolidado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário