terça-feira, 1 de agosto de 2017

Senhor meu Deus e Divino Espírito Santo e Jesus Cristo; BH, 02201002004; Publicado: BH, 0130102014.


Senhor meu Deus e Divino Espírito Santo e Jesus cristo:
Neste contrato, tenho alguns itens que preciso
Discutir com o Senhor; proponho um pacto para pedir
Que o estorrador divinal, como a máquina agrícola
Destinada a quebrar os torrões de terra, quebre
Também as forças que impedem o restabelecimento
Das forças físicas e espirituais dos meus pais; não
Tenho a arte do estenodactilográfico e nem
Relacionamento com a datilografia e a taquigrafia mas,
Faço esta proposta para este pacto com a certeza de
Ser atendido; aliás, em um ponto já fui atendido, com a
Eleição para presidente do Brasil, de Luis Inácio Lula da
Silva; agora o pedido é para que ele forme uma equipe
Verdadeiramente de alto nível e que saiba esmurraçar
Com serenidade, os nossos reais problema; depois da
Total predominância da burguesia e da elite, é a hora
Do povo, através de Lula eleito, esmurrar a pobreza e
Socar a miséria e esbofetear a desgraça do meio do
Nosso povo sofrido; é hora de esnocar o poder das
Mãos dos poderosos, deslocar a riqueza para que seja
Dividida e destroncar os lucros e luxar a senda para
Abranger número cada vez maior de excluídos; o Lula
Dará um basta no esnucar do povo, um basta de pôr o
Povo em situação difícil e embaraçosa e da linguagem
Do jogo inglês chamado snooker, sairemos para vencer,
Se fôssemos de uma espécie do jogo de bilhar, o
Esnúquer, cuja mesa é munida de seis caçapas que
Recebem as bolas impulsionadas pelo taco: as bolas
Serão as nossas desigualdades, problemas, tabus,
Preconceitos, dogmas, mentiras, falsidades; e o taco,
Será o povo, as soluções, as resoluções, as respostas,
A verdade, a liberdade e tudo mais que não terá a
Fragilidade duma esoderma, a membrana inferior das
Asas dos insetos; será forte como um grito esofagiano,
Ouvido como um uivo esofágico, assombroso tal o
Espasmo do esofagismo, porém, será o anúncio da
Vitória; não precisará da esofagotomia, da incisão do
Esôfago para extrair qualquer corpo, pois a voz não
Terá um esopete e nem prenúncio de fabulário;
Senhor meu Deus, não tenho o conhecimento esópico,
E nem a escrita de Esopo, célebre fabulista grego do
Século V aC, e p único instrumento de defesa que
Tenho, não é nenhum espadagão, chanfalho, ou espada
Grande; é só uma simples caneta com a qual edito este
Pacto, de homem espadanado, batido no assunto,
Borrifado de medo; o teor deste pacto é espadanal,
Devido às tantas coisas que tenho que pedir, que são
Maiores do que os lugares onde florescem as espadanas;
E jacto de líquidos, caudas de cometas, barbatanas de
Peixes; e planta alismatácea, cujas folhas se assemelham
Às espadas e gostaria de espadanar mais minhas palavras,
Bater a água com as minhas letras, agitar mais com meus
Vocábulos e borrifar os ouvidos com a minha verborrágica;
Mas, o meu teor de espadeirão é curto, a minha língua não
É espada longa e estreita e não serve para ferir como um
Estoque; serve só para pedir maior atenção, maior empenho
E presença do Divino Espírito Santo e de Jesus Cristo e de
Deus Todo Poderoso, na nossa vidinha de medíocres e de
Idiotizados aqui neste mundo cão; e não quero ter a opção
De alienado, indiferente, é por isso que deixo marcado aqui
A minha ansiedade na esperança, na sabedora e na
Inteligência; e a esperar desde já o retorno para a afirmação
Definitiva deste contrato, deste pacto aqui lavrado, amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário