quarta-feira, 6 de junho de 2012

O assalariado do neoliberalismo; BH 090901999.

O assalariado do neoliberalismo,
O que trabalha por salário na globalização
Do regime neoliberal selvagem,
Só come carne quando morde a língua;
Já jogou até fora a churrasqueira, a
Assadeira e a forma rasa própria
Para assar no forno; nessa globalização
Neoliberal, comer churrasco, comer
Assado, só para a burguesia, só para a
Elite; o que se assou, o peso de carne
Assada, não é para o trabalhador,
Principalmente o assalariado neoliberal;
Mais fácil morrer esfolado, da assadura
Do trabalho, com o efeito de assar na
Labuta, ao ir e vir de manhã à noite,
Feito a irritação cutânea, em regiões que
Sofrem roçamento; assalariar-se hoje em
Dia, e empregar-se por salário de
Vergonha, é esmola da burguesia, resto
Da elite, gorjeta que o governo dá, das
Sobras das mordomias, maracutaias,
Jogatinas e corrupções; quero ver o
Fim um dia, desse regime assaltador,
Que assalta ao povo; governo ruim,
Assaltante da nação, ataca de súbito
O país, para acometer os piores
Crimes; ocorrer de repente as
Privatizações, surpreender com as
Urgências das vendas; e o país
Continuar em débito, a balança
Comercial continuar em baixa,
É mais uma maneira de assaltar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário