quinta-feira, 7 de junho de 2012

Que desastre é esse no campo? BH, 0300801999.

Que desastre é esse no campo?
Nem as arundináceas, tribo das
Gramíneas que tem por tipo a
Conhecida cana, escapam? e
Como se não bastasse a seca,
A falta de chuva, a estiagem,
Agora vem os incêndios, as
Queimadas; o gado a morrer,
O homem a fugir, a chorar ao
Ver a criação padecer, e a
Situação em que se tornou o
Sertão; cadê a árvore que
Estava aqui? cadê o grande
Vegetal lenhoso, com ramos
E folhas e até frutos e frutas,
Na parte superior do tronco?
Mastro de resistência, eixo
Secular que agora vai acabar,
Igual a genealógica, conjunto
De descendentes e colaterais
De uma família; cadê o bom
Arvoredo que estava aqui? o
Conjunto de árvores, matas,
Florestas, bosques, parques,
Sítios, natureza? não tenho
Respostas; não tenho mais
Soluções; não tenho nem
Resoluções; tenho a pior
Vergonha de ver a destruição
Sem nada fazer; não sou um
Ás nessa luta, pessoa exímia
Em sua atividade; sou a carta
Fora do baralho, o dado sem
Face, a pedra de fogo; não
Marco um só ponto na luta
Contra a destruição; não
Tenho uma vitória marcada;
Sinto pela natureza, flora,
Fauna; sinto por nós que
Vamos perder ao olharmos
Inertes o meio ambiente morrer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário