domingo, 13 de maio de 2018

Agora comigo vai ser diferente; RJ;1980; Publicado: BH, 0290202012.

Agora comigo vai ser diferente,
Não vou ser mais a estrela cadente,
Que vaga errante pelo céu escuro,
Sem um rumo e sem uma direção;
Agora vou direto ao encontro
De um rijo coração,
Cheio de amor e paz,
Cheio de tranquilidade e perdão;
Já bati demais 
Com a cabeça nas pedras;
Agora vou amar de verdade
E vou ser feliz também;
Não vou ser mais
O astro sem destino,
Solitário e sem ninguém;
Agora tenho alguém,
Agora sou alguém;
Chega de peregrinação,
Chega de perambular
De coração em coração;
Agora tenho o meu próprio,
Na palma da minha mão;
Tenho o meu berço e o meu regaço;
Preenchi o meu espaço,
Endireitei o meu compasso
E amaciei o meu passo;
Senti no envolver do abraço,
O coração a querer saltar do peito;
Se fosse cardíaco,
Não aguentaria desse jeito;
Graças aos céus e aos santos,
Encontrei a minha estrela guia,
Minha vida não é mais uma folia,
Não escondo-me mais na noite,
Agora saio em pleno dia;
Por isso que digo,
Que comigo agora vai ser diferente:
Não me importa o passado,
Agora vivo o presente;
Não quero saber do futuro,
O futuro inda é ausente;
Agora só quero sentir o sabor,


De poder também ser gente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário