terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

Quiproquó; BH, 0210702002; Publicado: BH, 01601102010.



Longe de qualquer quid pro quo e de uma
Coisa por outra ou longe de afirmar uma coisa no
Lugar de outra por simples engano e com o
Abdome inchado como se fosse por motivo de mal
Esplenológico causado por uma esplenomegalia e
Aumento de volume do baço ou doença da crise
Megalosplenia do grego splen baço e megalon
Grande estava sentado num banco de praça parque
Ou jardim geralmente comigo é assim nunca
Lembro-me ao certo não sei se devido a tal da
Esplenopatia ou do resultado esplenopático
Quase sofri uma dissecção pela esplenotemia
O certo é que estava com tédio de tudo com
Splim o elitizado aportuguesado do inglês spleen
Não dei conta ao ver espocar do meu lado
Uma sombra de vulto um explodir de penumbra
Um arrebentar-se de silhueta mas não assustou-me
Parecia spodos igual espodite cinza branca
Dos vulcões feito de espodo poeira de espodogeno
Tal órgão cujo volume esteja aumentado pela
Acumulação de detritos globulares por efeito de
Certas intoxicações paludismo olhou-me de
Espojeiro de nicho de espojadouro e estendeu-me
A mão como se fosse fazer uma espoldra a segunda
Poda das vinhas a poda ligeira e nesse espoldrar
Nesse desramar depois da vindima apresentou-me
Uma esfera de teor espoliado de brilho esbulhado
E quis ajudar-me pois sentiu que eu estava
Privado dos meus direitos nada disse como
Espoliador fez-me entender com um olhar
Esbulhador um gesto espoliante um jeito esbulhante
Para engolir o espoliativo senti que espolia
Mas não era medicamento de aplicação local
Que faz destacar a epiderme cai em festim
Esponsalício naveguei por banquete esponsal
Metamorfoseei-me em algo esponjoide que se
Assemelha à esponja vi-me numa esponjeira
Vaso para guardar esponjas transformei-me
Em árvore amazônica da família das Leguminosas
Mimosacéas e neste infinito esponjar vi o
Passado apagar e passei absorver o futuro e a eliminar
Todos os vermes e bichos e parasitas que se
Alimentavam do meu ser carne osso nervo
Medula entranhas e a vida recomeçou a
Surgir pelo espongíolo última ramificação
Das raízes por onde supunham os antigos que
Se desse a absorção dos elementos nutritivos do solo não
Passava a fase do espongi do latim spongia não
Sentia mais como espondilozoário animal provido
De coluna vertebral não fazia mais verso espondaico
Não reconhecia mais nada que tinha espondeus 
Comecei a espolinhar-me sem parar a esponjar-me
Na lama a revolver-me no esgoto e a rebolar
Na terra como se quisesse espolinar tecer e
Lavrar com o espolim laçadeira pequena de 
Florear estofos um outro eu espondílico já
Não preocupava-me mais com a esplenologia
O estudo de aparência esplenoide de esplenográfico
Com descrição e radiografia da esplenografia
Parecia curado da hérnia esplenocele do espleno
Primeiro elemento dos compostos científicos com
A ideia da inflamação esplenite só o esplênio
Músculo alongado e achatado na parte posterior
Do pescoço e superior da costa era que endurecia
E doía não sei se era efeito da esfera ou
Da esplenificação endurecimento de tecido
Do fígado e dos pulmões a transformar-se
Em substância parecida ao esplênico lienal
No fundo eu não sabia que era esplenético
Igual ao que tem doença e que necessita
De uma esplenectomia extirpação cirúrgica 
Passei a língua pela boca e a arcada dentária
Estava novamente completa com todos os dentes
No lugar só cuspia fora as velhas obturações e
Os resíduos dos tártaros a cabeça tornou-se um
Interior esplendi um cérebro com qualidade
Do que é esplendido um crânio cheio de total
Esplendor e brilho toda minha cabeleira foi
Recomposta como era antigamente senti lógica
Minha mente esplandecer um resplendor diferente
Um esplender de memória que nunca vi igual
O pensamento cresceu esplendente o raciocínio ficou
Resplendente brilhante de razão esplendoroso
Como se fosse sobrenatural tudo parecia esplandecer
Em mim tudo parecia brilhar cada vez mais
Perdi gordura e barriga como se fosse por uma estranha
Esplancnotomia dissecção das vísceras meu corpo
Mudou completamente enxergava como se não
Sofresse de miopia tornou-se fácil para mim
Viver não sofria do esplâncnico não me preocupava
Mais com a esplancnografia descrição do baú
Esplancnográfico ou relativo à esplancnologia a
Parte da anatomia desse estudo minucioso
Saiu de dentro de mim de tudo um pouco
Da esppiroquetácea espécime das Espiroquetáceas
Família de micróbios caracterizados pela forma
Helicoidal com flexibilidade movimentação própria
Sem auxílio aparente de órgão locomotor ao
Espiroqueta micróbio pertencente ao gênero Spirochoeta
Quando voltei a mim parecia ter estado
Em guerra de longos anos cheirava mal
E estava coberto de detritos porém sentia-me
Perfeito despido dos meus defeitos nu dos
Meus complexos e preconceitos livre de tabus
Traumas pânicos e depressões até hoje procuro
Para agradecer mas sempre parece-me
Que não estou a viver e sim a sonhar
Todos os meus pesadelos são virtudes e
Todos os meus males são bens.

Nenhum comentário:

Postar um comentário