quinta-feira, 5 de julho de 2018

Quero escrever a minha história; RJ, 01º0201999; Publicado: BH, 0270602012.

Quero escrever a minha história
Com sangue arterial
Meu próprio sangue derramado
Das cavernas do meu coração
Não quero escrever a minha história
Com um sangue venoso
Um sangue falso artificial
Quero um sangue ideal
Que pode até ser aproveitado
Por outro ser qualquer
Quero escrever a minha biografia
Com sangue vivo
Fresco e novo
Não quero sangue de plástico
Contaminado e nocivo
Quero sangue útil oxigenado
Fortificado e quente
Não quero sangue frio
Quero escrever a minha saga
Com a minha fonte natural
Manancial de sangue puro
Pasteurizado e de qualidade
Não quero sangue coagulado
Sem glóbulos e sem leucócitos
Quero sangue sagrado de ser humano
Igual ao que Jesus Cristo
Derramou na cruz
Não quero um sangue profano
Quero um sangue santo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário